Duas etapas para a solução. Saiba o que falta para o Vasco se tornar ‘SAF’ junto à 777

Apesar da recente má fase na Série B do Brasileirão, que culminou na demissão do técnico Maurício Sousa, Vasco inicia a semana com motivos para se empolgar. Segundo informação do canal ‘Atenção Vascaínos’, a liminar que bloqueava o processo do clube para se tornar SAF junto à ‘777 Partners’ foi cassada, fazendo com que o imbróglio, que já perdura desde fevereiro, esteja à duas etapas de ter uma solução.

A primeira delas é uma reunião que ocorrerá nesta quarta-feira(27) para confirmar o parecer dado pelo Conselho Deliberativo vascaíno autorizando a introdução da SAF. 10 dias após(7 de agosto) será o momento de uma Assembléia Geral Extraordinária(AGE), para definir a vida do cruzmaltino enquanto SAF, finalizando os trâmites burocráticos.

Ao final desse processo, a 777 finalmente terá caminho livre para investir no clube. Vale ressaltar que o acordo inicial previa uma injeção de até 700 milhões de reais ao longo de 3 anos, sendo uma robusta parcela de R$190M introduzida imediatamente após a aprovação por parte do Conselho do clube. O valor deverá ser destinado à quitação salarial de atletas, ex atletas, funcionários e ex funcionários do Vasco, além do pagamento de dívidas externas e investimento em reforços.

Sobre Luccas Almeida 305 Artigos
19 anos, Jornalista e Web Designer amador, criador de conteúdo digital e CEO do perfil 'Jornalismo Moralizador', ativo no Instagram.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*