Futebol sem ódio: Corinthians explica apagão feito no último final de semana

Nesta segunda-feira (25) de Abril o Corinthians por meio de suas redes sociais manifestou o motivo do apagão, Veja as mensagem oficial abaixo.

“Não podemos mais permanecer imóveis diante de um contexto que ameaça todos os clubes e jogadores. É preciso que a sociedade reflita sobre qual futebol quer para si, para suas famílias, para o presente e para o futuro”, afirma Duilio Monteiro Alves, presidente do Corinthians.

Recentemente, os jogadores Cássio, Gil, Willian e Paulinho e seus familiares foram expostos a ameaças feitas por torcedores, fato que se repetiu em outros clubes. Esse ódio também se estende a dirigentes, árbitros e jornalistas, o que mostra a urgência de abordar o tema e enfrentar a situação de forma efetiva e abrangente.

Esta primeira medida do Corinthians será seguida por outras que envolverão todas as diretorias e todo o ecossistema do clube, de forma que imprensa, influenciadores, usuários e empresas de redes sociais também se engajem no necessário debate por um ambiente saudável para a prática, a vivência e a paixão pelo futebol profissional, dentro do espírito esportivo e democrático que guia o Corinthians desde sua fundação.

Atenciosamente,

Sport Club Corinthians Paulista.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*