Ibrahimović volta a ‘causar’ em discurso após título italiano: “A Itália pertence ao Milan!”

AC Milan's Swedish forward Zlatan Ibrahimovic (C) and teammates celebrate with the winner's trophy after AC Milan won the Italian Serie A football match between Sassuolo and AC Milan, securing the "Scudetto" championship on May 22, 2022 at the Mapei - Citta del Tricolore stadium in Sassuolo. (Photo by Tiziana FABI / AFP)

Seria impossível não falar sobre a conquista da Série A do Milan, após 11 anos de espera, sem falar de Zlatan Ibrahimović. Mesmo não sendo o principal destaque técnico ou estatístico a equipe no campeonato, o camisa 11 foi absolutamente fundamental, não só com seu desempenho em campo, mas também com sua mentalidade vencedora.

Toda essa mentalidade, unida à tradicional ‘marra’ e habilidade com as palavras foi demonstrada pelo sueco em seu discurso, feito para toda a equipe, comissão técnica e funcionários após a vitória frente ao Sassuolo que confirmou o título no último domingo:

“Quando entendemos que precisamos fazer sacrifícios, sofrer, acreditar e trabalhar, nos tornarmos um grupo. E com um grupo, é possível fazer as coisas que fizemos. No começo do campeonato ninguém acreditava na gente, mas com esses valores nos tornarmos mais fortes. Tenho orgulho de todos vocês. Agora me façam um favor: Comemorem como campeões, porque não é Milão que pertence ao Milan. A Itália pertence ao Milan!” – Afirmou o veterano.

Para bater a vice líder Inter e sagrar-se campeão, o Milan contou com 86 pontos (2 a mais que a grande rival) conquistados em 38 rodadas, ao ter como desempenho 26 vitórias, 8 empates e apenas 4 derrotas, além de marcar 69 gols, sofrer apenas 31 e produzir uma ‘arrancada’ de 16 partidas invicto nas últimas 16 rodadas.

Sobre Luccas Almeida 343 Artigos
19 anos, Jornalista e Web Designer amador, criador de conteúdo digital e CEO do perfil 'Jornalismo Moralizador', ativo no Instagram.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*